Sinopsys Editora - A Face Obscura da Esfinge Midiática: Estudo de Recepção Junto a Adolescentes
51 3066.3690 Horário de atendimento: De Seg a Sex das 8h30 às 18h, sem fechar ao meio dia (Exceto em feriados).

Produtos

A Face Obscura da Esfinge Midiática: Estudo de Recepção Junto a Adolescentes

Núbia Simão

R$ 39,00
2 x de R$ 19,50 sem juros

Disponibilidade: Em Estoque.

Resenha

A face obscura da esfinge midiática: estudo de recepção junto a adolescentes aborda a recepção de informações e imagens de violência, transmitidas cotidianamente na televisão, acerca do jovem em conflito com a lei. Para tanto, a autora faz uma análise das origens e da concepção de violência, buscando problematizar a apropriação midiática desse conceito, e explica o abuso da veiculação dessas imagens e informações, retomando as consequências da globalização para a comunicação - principalmente quando se observa o acirramento da concorrência e a luta pela conquista de audiência. Esta muitas vezes é alcançada quando se apela para as sensações e sentimentos da população, no modelo de telejornal que se convencionou chamar de sensacionalista. Justamente aqueles que mais sofrem a falta de direitos básicos - e aqui poderíamos considerar os direitos de segunda geração, tais como o emprego com carteira assinada -, são os jovens, alvos frequentes dessa manipulação de informações da mídia. Em pleno processo de ressocialização, necessitam da garantia dos direitos civis, políticos e sociais para se inserirem de forma cidadã na sociedade, e são também por isso o grupo selecionado para esta pesquisa de recepção.


AUTORA
Núbia Simão


DADOS TÉCNICOS
ISBN: 978-85-473-0364-8
Formato: 14,5 X 21cm | 171 Páginas | Peso: 220g
Acabamento: Brochura

Saiba antes de promoções e lançamentos

TRI em São Paulo

de 28/06/2019 até 29/06/2019 - São Paulo/SP

Ler mais Outros Eventos

51 3066.3690

Horário de atendimento:
De Seg a Sex das 8h30 às 18h,
sem fechar ao meio dia (Exceto em feriados).

copyright © 2015 Sinopsys Editora. Todos os direitos reservados Fradde Comunicação