Diabetes, depressão e risco de demência, qual a relação entre eles? - Sinopsys Editora

0

Diabetes, depressão e risco de demência, qual a relação entre eles?

20 de Março de 2015

Pessoas com comprometimento cognitivo leve estão em maior risco de desenvolver demência se apresentarem diabetes ou sintomas psiquiátricos como depressão, é o que sugere uma nova avaliação liderada por pesquisadores do University College London (UCL). Comprometimento cognitivo leve (MCI) é um estado entre o envelhecimento e demência, onde a mente de alguém começa a funcionar menos do que seria esperado para a sua idade. MCI afeta 19% das pessoas com idade acima de 65 anos, e cerca de 46% das pessoas com MCI desenvolvem demência dentro de 3 anos em comparação com 3% da população geral.
O mais recente trabalho de revisão, publicado no American Journal of Psychiatry, analisou dados de 62 estudos separados, acompanhando um total de 15.950 pessoas diagnosticadas com MCI. O estudo constatou que entre as pessoas com MCI, aquelas com diabetes tinham 65% mais probabilidade de evoluir para demência e aquelas com sintomas psiquiátricos eram mais do que duas vezes mais propensas a desenvolver a condição.
"Existem fortes vínculos entre a saúde mental e física, por isso, manter seu corpo saudável também pode ajudar a manter seu cérebro funcionando corretamente", explica a principal autora, Claudia Cooper (UCL Psiquiatria). "Mudanças no estilo de vida para melhorar a dieta e humor podem ajudar as pessoas com MCI a evitar a demência e trazer muitos outros benefícios para a saúde."
A Sociedade do Alzheimer recomenda que as pessoas permaneçam socialmente e fisicamente ativas para ajudar a prevenir a demência. Suas diretrizes também sugerem uma dieta rica em frutas e legumes e pobre em carnes e gorduras saturadas, como a dieta mediterrânea.
O professor Alan Thompson, decano da UCL Faculdade de Ciências do Cérebro, diz: "Esta impressionante revisão sistemática e meta-análise destaca duas mensagens importantes, em primeiro lugar, o impacto das comorbidades médicas e psiquiátricas em indivíduos com comprometimento cognitivo leve e em segundo lugar, a importância e o potencial terapêutico da intervenção precoce na prevenção da demência. Confirmando estes resultados e incorporando estratégias preventivas adequadas, poderíamos desempenhar um papel importante na redução da demência no envelhecimento da nossa população."

University College London. (2015, February 20). Diabetes, depression predict dementia risk in people with slowing minds. Science Daily. RetrievedFebruary 24, 2015 from http://www.sciencedaily.com/releases/2015/02/150220133335.htm
Outras do Blog

Tags

O que é diabete, Risco de demência, Causa da depressão, Pessoas com MCI, Benefícios para saúde, Terapia Cognitivo-Comportamental

Mais

Vistos

Saiba antes

de promoções

e lançamentos



Cursos

e Eventos

Evento Sergipano sobre TDAH

de 24/02/2024 até 24/02/2024 - Hotel Arcus - Aracaju

Ler mais Outros Eventos

Atendimento personalizado disponível de segunda a sábado das 8h às 18h(exceto feriados).

Este site usa cookies

Nós armazenamos dados temporariamente para melhorar a sua experiência de navegação e recomendar conteúdo de seu interesse.
Ao utilizar nossos serviços, você concorda com nossos termos e condições.
     
Item adicionado ao seu carrinho, o que deseja fazer agora?
Sinopsys Editora e Sistemas Eireli CNPJ: 10.740.484/0001-69