Mitos e Fatos sobre Bullying: Orientações para Pais e Profissionais - Sinopsys Editora
51 3066.3690 Horário de atendimento: De Seg a Sex das 8h30 às 18h, sem fechar ao meio-dia (Exceto em feriados).
Olá, Faça seu login

Informe seu e-mail para que uma nova senha seja enviada

Voltar
0
Carrinho
Produtos

0
Mitos e Fatos sobre Bullying: Orientações para Pais e Profissionais

Mitos e Fatos sobre Bullying: Orientações para Pais e Profissionais

Carolina Saraiva de Macedo Lisboa, Guilherme Welter Wendt e Juliana da Rosa Pureza

R$ 36,00 1 x de R$ 36,00 sem juros

Disponibilidade: Em Estoque

SINOPSE

Em muitos países, o bullying entre jovens e na escola é um importante problema social. Ele envolve repetidos ataques contra uma pessoa mais fraca ou relativamente indefesa; pode ser de natureza física, verbal, exclusão social severa, ou, atualmente, o cyberbullying - usando telefones móveis e internet. Este abuso intencional de poder para ferir os outros pode acarretar sofrimento e perda de autoestima nas vítimas e, em casos extremos, pode contribuir para suicídios. Aqueles que praticam o bullying não estão aprendendo sobre um comportamento responsável e carinhoso com os outros; e os espectadores que veem o bullying acontecer, se não forem controlados, estão aprendendo que esses comportamentos são tolerados. "Mitos e fatos sobre bullying: Orientações para Pais e Profissionais" é uma contribuição oportuna para este esforço.

Os organizadores são pesquisadores que atuam na área e que compilaram uma forte seleção de capítulos que nos conduzem através dos principais aspectos do que sabemos sobre o bullying escolar (incluindo sua identificação), o cyberbullying (tema relativamente novo), a compreensão de o porquê os praticantes do bullying agirem dessa forma, os papéis no bullying e seus correlatos, o vínculo com o uso de drogas na adolescência e os tipos de intervenções que podem ser implementados para reduzi-lo. Ele foi elaborado pensando nos pais, professores e público em geral, que demonstram a carência de um entendimento adequado do fenômeno bullying. Percebem-se concepções e crenças distorcidas acerca do bullying, que visam punir o agressor, mas que podem estigmatizar as vítimas mesmo quando almejam auxiliá-las. Com uma linguagem clara e objetiva, desmitifica e mostra os verdadeiros fatos do bullying, por meio da identificação, do esclarecimento do que também é o cyberbullying, mostrando que é importante dar atenção ao agressor, relacionando as patologias decorrentes, a relação com as drogas e como manejar e tratar esse processo.


CONHEÇA O SUMÁRIO


Prefácio I.

Prefácio II.


Capítulo 1. Mitos e fatos sobre bullying.

Capítulo 2. Identificando o bullying.

Capítulo 3. Discutindo agressão e vitimização eletrônica.

Capítulo 4. Atenção ao agressor.

Capítulo 5. Bullying e psicopatologias: identificando fatores de risco.

Capítulo 6. Bullying e uso de álcool e outras drogas.

Capítulo 7. Manejo e tratamento do bullying: o que fazer?


CONHEÇA OS AUTORES


ORGANIZADORES:


Carolina Saraiva de Macedo Lisboa.
Psicóloga pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Mestre e doutora em Psicologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professora da Faculdade de Psicologia e do Programa de Pós-graduação em Psicologia da PUCRS. Coordenadora do Grupo de Pesquisa: Relações Interpessoais e Violência - Contextos Clínicos, Sociais, Educativos e Virtuais (Área de Concentração: Psicologia Clínica - PUCRS). Editora Associada da Revista PSICO. Coordenadora do Curso de Especialização em Terapia Cognitivo-Comportamental à distância (PUCRS).

Guilherme Welter Wendt.
Bacharel em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Mestre em Psicologia Clínica pela Universidade do Rio dos Sinos (UNISINOS), com bolsa CAPES. Doutorando em Psicologia pela Goldsmiths College, University of London (Bolsista CAPES - Processo BEX 893713-3). Integrante do Indian-European Research Networking on bullying, cyberbullying, pupil safety & well-being. Titular junto ao Membership Committee da International Society for the Study of Behavioural Development (ISSBD) e pesquisador associado do Grupo de Pesquisa: Relações Interpessoais e Violência — Contextos Clínicos, Sociais, Educativos e Virtuais (PUCRS).

Juliana da Rosa Pureza.
Psicóloga pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Mestre em Psicologia Clínica pela Universidade do Rio dos Sinos (UNISINOS), com Bolsa PROSUP/CAPES. Especialista em Terapias Cognitivo-Comportamentais pela WP Centro de Psicoterapia Cognitivo-Comportamental. Professora da Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI Campus Santiago). Membro do Grupo de Pesquisa: Relações Interpessoais e Violência — Contextos Clínicos, Sociais, Educativos e Virtuais (PUCRS).

COLABORADORES:


André Verzoni, Bruna Holst, Caroline Louise Mallmann, Cristina Lessa Horta, Daniele Lindern, Edilson Pastore, João Luís Almeida Weber, Larissa Prado da Fontoura, Lisete Almeida, Lusiêni Diel, Rogério Lessa Horta, Sílvia Cristina Marceliano Hallberg.

DADOS TÉCNICOS


ISBN: 978-85-64468-28-3
Formato: 16 x 23cm | 96 Páginas | Peso: 196g
Acabamento: Brochura


BAIXE EM PDF

No arquivo abaixo você terá todas as informações sobre a obra (curriculum dos autores, sumário etc) e o 1° capítulo completo.

_Veja também_

Saiba antes de promoções e lançamentos



8º Turma: Especialização em Avaliação Psicológica - Transmissão ao Vivo

de 26/01/2021 até 22/03/2022 - Online

Ler mais Outros Eventos

51 3066.3690

Horário de atendimento:
De Seg a Sex das 8h30 às 18h,
sem fechar ao meio dia (Exceto em feriados).

copyright © 2020 Sinopsys Editora. Todos os direitos reservados