Dia Internacional da Pessoa com Surdocegueira - Sinopsys Editora

0
Dia Internacional da Pessoa com Surdocegueira

Dia Internacional da Pessoa com Surdocegueira

18 de Junho de 2021

O Dia Internacional da Pessoa com Surdocegueira é celebrado em 27 de junho, data de nascimento da norte-americana Helen Keller no ano de 1880. Mesmo tendo perdido a visão e a audição aos 18 meses de idade, possivelmente por causa de escarlatina ou meningite, ela conseguiu aprender a ler, escrever, falar, dominar línguas, se formar em Filosofia e se tornar uma escritora reconhecida.

Um grande exemplo de superação, Helen Keller foi alfabetizada por meio da língua de sinais tátil pela professora Anne Sullivan e se tornou a primeira pessoa com surdocegueira no mundo a conquistar um bacharelado. Foi, ainda, conferencista, ativista social e defensora dos direitos das pessoas com deficiência.

O aprendizado de Helen Keller foi o primeiro a ser registrado com confiabilidade em vários trabalhos escritos e significou um avanço importante na educação especial, originando novos métodos de ensino.

OBJETIVOS

O Dia Internacional da Pessoa com Surdocegueira tem como objetivo conscientizar a sociedade sobre as necessidades específicas de organização social e de políticas públicas para promover inclusão e acessibilidade. Assim como para combater o preconceito e a discriminação e demonstrar as potencialidades das pessoas com surdocegueira. Visa, também, estimular ações educativas para a prevenção da deficiência na gestação.

No Brasil, a Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 2.260/2019, que institui o Dia Nacional da Pessoa com Surdocegueira em 12 de novembro. A data corresponde ao início do 1º Seminário Brasileiro de Educação do Deficiente Audiovisual. O evento ocorreu no ano de 1977 em São Paulo, promovido pela Fundação Municipal Anne Sullivan, de São Caetano do Sul, a primeira escola para surdocegos na América Latina. O PL aguarda apreciação do Senado.

O QUE É


No Dia Internacional da Pessoa com Surdocegueira, a sociedade como um todo pode ficar sabendo mais sobre a deficiência.

Também chamada de perda sensorial dupla ou comprometimento multissensorial, é o conjunto simultâneo da perda auditiva e visual em diferentes graus. Consequentemente, afeta significativamente a comunicação, a socialização, a mobilidade e a vida diária dos indivíduos com essa condição.

A expressão surdocegueira foi usada pela primeira vez nos anos 1990 como um substituto para "surdos e cegos". A junção das duas palavras deu mais clareza e definiu a condição como uma deficiência única.

Embora pareça que surdocegueira e deficiência visual e/ou auditiva compartilhem muitas características, existem diferenças marcantes.

Um exemplo no contexto da educação é que, sendo um indivíduo com deficiência multissensorial, a privação do uso dos seus sentidos espaciais faz com que ele processe informações de maneira diferente do aluno cego e/ou surdo. Portanto as estratégias para obter resultados também são diferentes.

TIPOS E CAUSAS


A surdocegueira pode ser congênita, quando o indivíduo nasce com ela, ou adquirida no decorrer da vida. Os tipos que existem são: cegueira congênita e surdez adquirida; surdez congênita e cegueira adquirida; cegueira e surdez congênita; cegueira e surdez adquirida; baixa visão com surdez congênita; e baixa visão com surdez adquirida.

Existe o surdocego pré-linguístico, aquele que nasce com a condição ou a adquire nos primeiros meses após o nascimento, estágio que precede a aprendizagem da linguagem, e o pós-linguístico, que a adquire depois da fase de aprendizagem de uma língua.

A surdocegueira pode apresentar variadas causas que podem ocorrer antes do nascimento (pré-natais), no momento do nascimento (perinatais) ou após o nascimento (pós-natais).

Entre as causas pré-natais e perinatais, está a gestante ter herpes, rubéola, HIV, sífilis, citomegalovírus, toxoplasmose ou abusar de álcool e outras drogas. Asfixia do bebê durante o parto também está entre os possíveis motivos.

Já no pós-natal, algumas situações que podem resultar na perda de audição e visão são: traumatismo craniano, meningite, AVC e síndromes genéticas, tais como osteogênese imperfeita, disostose mandibulofacial, Carpenter, Hallgren, Usher e Down.
Outras do Blog

Tags

Surdocegueira, Surdez, Cegueira, Linguagem Brasileira de Sinais, Libras

Mais

Vistos

Saiba antes

de promoções

e lançamentos



Cursos

e Eventos

Minicurso Introdução à terapia do esquema

de 16/02/2024 até 24/02/2024 - Rua João de Almeida, 735 - Estoril, BH - MG

Ler mais Outros Eventos

Atendimento personalizado disponível de segunda a sábado das 8h às 18h(exceto feriados).

Este site usa cookies

Nós armazenamos dados temporariamente para melhorar a sua experiência de navegação e recomendar conteúdo de seu interesse.
Ao utilizar nossos serviços, você concorda com nossos termos e condições.
     
Item adicionado ao seu carrinho, o que deseja fazer agora?
Sinopsys Editora e Sistemas Eireli CNPJ: 10.740.484/0001-69