O relacionamento é a questão mais importante entre paciente e terapeuta quando se trata de pacientes psicóticos, dizem especialistas - Sinopsys Editora

0

O relacionamento é a questão mais importante entre paciente e terapeuta quando se trata de pacientes psicóticos, dizem especialistas

08 de Maio de 2015

Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Manchester e da Universidade de Liverpool analisou o tratamento psicológico de mais de 300 pessoas que sofrem de psicose, mostrando que, seja qual for a terapia, é a relação entre o paciente e o terapeuta que ou melhora ou oferece danos ao bem-estar. Neste caso, a investigação mostrou que é a qualidade da relação entre o terapeuta e paciente que promove melhora e não as diferentes técnicas utilizadas para as duas terapias que foram comparadas.
Muitos estudos analisaram os tipos de tratamento falado que podem ajudar as pessoas a se recuperar de episódios psicóticos. Estes incluem a terapia cognitiva comportamental (TCC) e a terapia familiar. Pesquisas de alta qualidade utilizam um grupo de comparação que também recebe algum tipo de tratamento menos estruturado, como, por exemplo, aconselhamento de apoio.
Surpreendentemente, os pacientes nesse grupo de comparação muitas vezes beneficiaram-se do tratamento recebido tanto quanto aqueles que receberam as terapias específicas e orientadas (CBT ou terapia familiar). Ambos os grupos que receberam tratamento psicossocial se saíram muito melhor do que outros que receberam apenas medicação e cuidados habituais.
Os pesquisadores exploraram em profundidade o efeito causador da "aliança terapêutica" ou relação de confiança entre paciente e psicólogo quando pacientes com esquizofrenia foram tratados durante um teste desse tipo. Lucy Goldsmith, doutoranda da Universidade do Instituto de Cérebro, Comportamento e Saúde Mental de Manchester, realizou a pesquisa em colaboração com os pesquisadores que realizaram o teste original: os professores Shon Lewis e Graham Dunn, de Manchester, e Richard Bentall, de Liverpool. Ela disse: "A qualidade da relação terapêutica já foi associada a resultados antes, mas queria verificar se o que realmente promove as mudanças no bem-estar ocorre durante a terapia. Será que o sucesso do tratamento torna os pacientes mais bem dispostos para com seu terapeuta ou é a relação, na verdade, que favorece a terapia bem-sucedida?"
Ao utilizar sistemas de classificação já estabelecidos dessas relações e tendo os dados do estudo anterior de 308 pacientes, os pesquisadores descobriram que um bom nível de aliança terapêutica teve um impacto benéfico sobre o bem-estar, mas onde a relação era pobre, o tratamento poderia realmente ser prejudicial. "As implicações são que a tentativa de manter os pacientes em terapia quando o relacionamento é pobre não é apropriada", disse Lucy. "Mais esforços devem ser feitos para construir relações fortes, confiantes e respeitosas, mas se isso não está funcionando, então a terapia pode ser prejudicial para o paciente e deve ser interrompida."
"O estudo mostra claramente que os dois tipos de terapia são igualmente benéficos para o paciente - desde que a confiança, objetivos comuns e respeito mútuo entre o cliente e o psicólogo estejam presentes." O artigo Os tratamentos psicológicos para psicose precoce podem ser benéficos ou prejudiciais, dependendo da aliança terapêutica: uma análise variável instrumental foi publicado na revista Psychological Medicine.

Fonte: Manchester University. (2015, April 10). Patient-Therapist relationship most important issue when it comes to psychosis patients, experts say. ScienceDaily. RetrievedApril 13, 2015 from 
Outras do Blog

Tags

Pacientes, Terapeuta, Terapia familiar, Terapia Cognitivo-Comportamental

Mais

Vistos

Saiba antes

de promoções

e lançamentos



Cursos

e Eventos

Minicurso Introdução à terapia do esquema

de 16/02/2024 até 24/02/2024 - Rua João de Almeida, 735 - Estoril, BH - MG

Ler mais Outros Eventos

Atendimento personalizado disponível de segunda a sábado das 8h às 18h(exceto feriados).

Este site usa cookies

Nós armazenamos dados temporariamente para melhorar a sua experiência de navegação e recomendar conteúdo de seu interesse.
Ao utilizar nossos serviços, você concorda com nossos termos e condições.
     
Item adicionado ao seu carrinho, o que deseja fazer agora?
Sinopsys Editora e Sistemas Eireli CNPJ: 10.740.484/0001-69