Sinopsys Editora - Saiba mais sobre Jeffrey Young, criador da Terapia do Esquema
51 3066.3690 Horário de atendimento: De Seg a Sex das 8h30 às 18h, sem fechar ao meio dia (Exceto em feriados).

Produtos

Saiba mais sobre Jeffrey Young, criador da Terapia do Esquema

09 de Março de 2020

Jeffrey Young é um psicólogo estadunidense que completou seu treinamento clínico na Universidade da Pensilvânia, onde circulavam pesquisadores como Joseph Wolpe, Minucchin e Aaron Beck. Membro do corpo docente do departamento de Psiquiatria da Universidade de Columbia, ele leciona há mais de 25 anos e é o diretor do Schema Therapy Institute e do Cognitive Therapy Center. Young também participa de projetos de pesquisa, está no conselho de várias revistas de pesquisa e é autor de livros sobre Terapia de Esquema e outros tópicos, que muitas vezes são enquadrados como de auto-ajuda. 

Young se destaca, entre outros estudos, por ter desenvolvido a Terapia do Esquema, a qual se tornou uma das alternativas mais eficazes para diversos tipos de transtornos mentais, especialmente no que concerne os de personalidade. Considerada um acréscimo à Terapia Cognitivo-Comportamental idealizada por Aaron Temkin Beck, a Terapia do Esquema se diferencia por dar mais ênfase à investigação das origens dos problemas psicológicos na infância e adolescência. Ela também usa técnicas emotivas e foca nos estilos desadaptativos de enfrentamento.


"Os pacientes devem estar dispostos a renunciar a seus estilos de pensamento e comportamento desadaptativos para conseguir mudar. Por exemplo, há pessoas que se apegam a esquemas dolorosos do passado. Assim, ao permanecer em relações destrutivas ou ao não estabelecer limites em suas vidas pessoais ou profissionais, elas perpetuam o esquema e não podem progredir significativamente na terapia".
Jeffrey E. Young


Os esquemas iniciais desadaptativos são padrões emocionais e cognitivos disfuncionais, que são iniciados e perpetrados desde cedo na vida das pessoas. Eles são formados por suas memórias, sensações corporais e emoções e, por serem coerentes com situações familiares, são difíceis de mudar, mesmo causando sofrimento.

Uma pessoa saudável satisfaz, de modo adaptativo, necessidades que estão divididas em cinco grandes grupos: 
1. vínculos seguros com outras pessoas;
2. autonomia;
3. limites realistas e autocontrole;
4. liberdade de expressão;
5. espontaneidade e lazer.

"Young identificou 18 EIDs que são agrupados em cinco amplos domínios de esquemas, correspondendo às cinco necessidades emocionais desenvolvimentais da criança. Assim, cada necessidade emocional não satisfeita dá origem a um determinado domínio esquemático." (Paim, Madalena, Falcke, 2012). 

Os cinco domínios são: 
1. desconexão e rejeição;
2. autonomia e desempenho prejudicados;
3. limites prejudicados;
4. direcionamento para o outro;
5. supervigilância e inibição.

Os Processos Esquemáticos (PEs) são as ações que perpetuam os esquemas e integram os modos de enfrentamento que cada pessoa desenvolve, ou seja, a melhor forma como cada um lida com as condições às quais é exposto: a hipercompensação (lutar), a resignação ou manutenção (paralisar) ou a evitação (fugir). 


Quer saber mais? Consulte as obras de referência deste texto: 

PAIM, KELLY; MADALENA, Marcela; FALCKE, Denise. Esquemas iniciais desadaptativos na violência conjugal. Relato de pesquisa. In: Revista Brasileira de Terapias Cognitivas.  2012•8(1)•pp.00-00. Disponível em: <http://www.rbtc.org.br/detalhe_artigo.asp?id=155>. Acesso em: 05.mar. 2020.

SCORTEGAGNA, Lilian. Baralho Interativo de Modos e Esquemas. NH: Sinopsys, 2019.

YOUNG, Jeffrey; KLOSKO, Janet. Reinvente sua Vida. NH: Sinopsys, 2020.
Outras do Blog

Tags

Jeffrey Young; Psicologia; Terapia do Esquema

Mais

Vistos

Saiba antes de promoções e lançamentos

CURSO ONLINE DE MINDFULNESS

de 05/03/2020 até 23/04/2020 - Online

Ler mais Outros Eventos

51 3066.3690

Horário de atendimento:
De Seg a Sex das 8h30 às 18h,
sem fechar ao meio dia (Exceto em feriados).

copyright © 2019 Sinopsys Editora. Todos os direitos reservados Fradde Comunicação