Tanatologia: estudos sobre a morte e o morrer - Sinopsys Editora
51 3600.6699 Horário de atendimento: De Seg a Sex das 8h às 23:59h, sem fechar ao meio-dia (Exceto em feriados).
Olá, Faça seu login

Informe seu e-mail para que uma nova senha seja enviada

Voltar
0
Carrinho
Produtos

0
Tanatologia: estudos sobre a morte e o morrer

Tanatologia: estudos sobre a morte e o morrer

22 de Junho de 2022

Tanatologia é o estudo científico interdisciplinar da morte. Em outras palavras, é a área de conhecimentos e de aplicação sobre a morte e o morrer. Investiga seus mecanismos e aspectos forenses, tais como mudanças corporais que acompanham o período após a morte, bem como os aspectos sociais e legais mais amplos.

A palavra tanatologia é derivada de Tânato, deus da mitologia grega que personifica a morte, mais o sufixo -logia, que deriva do grego -legein e significa estudo.


CLÁSSICO


O desenvolvimento dos estudos e pesquisas sobre a morte e o morrer ganhou força após as guerras mundiais, com os trabalhos do psicólogo norte-americano Herman Feifel que resultaram no clássico livro "O significado da morte", publicado em 1959.


Inclui textos sobre filosofia, arte, religião e sociologia. Há artigos de vários autores conhecidos, entre eles, Carl Gustav Jung (A alma e a morte), Herbert Marcuse (A ideologia da morte), Norman Farberow e Edwin Shneidman (Prevenção ao suicídio).


REVOLUÇÃO


Na década de 1960, houve mudanças significativas no processo de morrer e nas práticas dos profissionais da saúde a partir dos trabalhos da psiquiatra suíça Elisabeth Kübler-Ross e da médica, enfermeira e assistente social inglesa Cicely Saunders.

Elas revolucionaram os cuidados a pacientes com doença avançada, buscando comunicação e alívio de sintomas incapacitantes.

O livro "Sobre a morte e o morrer", de Kübler-Ross, é referência na área, propondo o aperfeiçoamento da comunicação e da experiência clínica com pacientes próximos da morte.


PIONEIRA


No Brasil, a pioneira foi a psicóloga Wilma Torres, que, em 1980, criou o programa Estudos e Pesquisas em Tanatologia na Fundação Getúlio Vargas, no Rio de Janeiro.

A sua área de pesquisa foi o desenvolvimento cognitivo do conceito de morte em crianças e adolescentes, tendo publicado vários artigos no periódico Arquivos Brasileiros de Psicologia.

Wilma foi responsável, também, pelo primeiro arquivo de artigos e livros sobre a morte e o morrer e fundou, em 2004, o Núcleo de Estudos e Pesquisas em Tanatologia na Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Atualmente, há núcleos de estudos e pesquisas em várias universidades do país nos quais docentes conduzem pesquisas e estudos sobre vários temas relacionados à morte.


LIVRO


Educação para a morte: quebrando paradigmas
O assunto tanatologia é aprofundado no livro "Educação para a morte - Quebrando paradigmas". De autoria da psicóloga Maria Julia Kovács e publicada pela Sinopsys Editora, a obra apresenta uma base para a contextualização da educação para a morte.

Tem como objetivo subsidiar trabalhos em instituições de saúde, escolares, residenciais para idosos e tantas outras em que o tema se faz presente no cotidiano. Trata-se da busca de autoconhecimento e de sentido da vida a partir do que a morte ensina.

A publicação é indicada para estudantes e profissionais de diferentes áreas, como psicologia, medicina, enfermagem, nutrição, fisioterapia, terapia ocupacional, educação e assistência social.

Maria Julia é professora do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo (IPUSP), fundadora do Laboratório de Estudos sobre a Morte (LEM) do IPUSP e coordenadora do projeto Falando de Morte (filmes didáticos).

Educação para a morte - Quebrando paradigmas
Outras do Blog

Tags

Educação para a morte, tanatologia, Herman Feifel, sentido da vida, Wilma Torres, comunicação, cuidado, aspectos sociais, legais, forenses

Mais

Vistos

Saiba antes de promoções e lançamentos



Curso de Formação em Terapia do Esquema

de 28/01/2022 até 28/01/2023 - On-line e ao vivo no ZOOM.

Ler mais Outros Eventos

51 3600.6699

Horário de atendimento:
De Seg a Sex das 8h30 às 18h,
sem fechar ao meio dia (Exceto em feriados).

copyright © 2020 Sinopsys Editora. Todos os direitos reservados